10 dicas da Disciplina Positiva para suportar os dias (incertos) que ainda faltam de quarentena

Relaxe, cobre-se menos, abaixe suas expectativas com tudo e todos. Estamos vivendo uma guerra e o foco é a sobrevivência, a melhora e não a perfeição.


Já se passaram semanas, meses e estamos ainda aprendendo a lidar com esse “novo normal” da quarentena trabalhando em casa, com os filhos sem ir à escola, com mais funções e tarefas domésticas do que gostaríamos e muitas mais preocupações e incertezas do que achamos ser possível suportar.

Como enfrentar os próximos dias, semanas, meses? Colocando em prática essas 10 dicas da Disciplina Positiva que elaborei abaixo. A ideia é que com essas ferramentas a família possa ter dias mais harmoniosos e noites mais bem dormidas e restauradoras.

Confira:


1. A coragem de ser imperfeito – Esse não é um conceito recente. Alfred Adler e Rudolf Dreikurs (psicólogos vienenses que inspiraram a base teórica da Disciplina Positiva) já falavam sobre a importância de aceitarmos, assumirmos e olharmos para nossos erros como oportunidades de aprendizado. Então, relaxe. Cobre-se menos, abaixe suas expectativas com tudo e todos. Estamos vivendo uma guerra e o foco é a sobrevivência, a melhora e não a perfeição.


2. Rotina – Combinem uma nova rotina para esses dias de home office, de aulas online, de mais gente “confinada” juntos. Envolvam as crianças na elaboração de um quadro de rotinas que inclua: tempo de estudo, higiene, refeições (várias), lazer, tempo em família, tarefas domésticas.


3. Conexão – Planeje um momento especial com cada pessoa da sua casa. É muito importante passar um tempo de qualidade sozinho – você e o outro familiar – fazendo algo que ambos gostem ou simplesmente fiquem juntos, todos os dias, por alguns minutos.


4. Tarefas domésticas – Essa quarentena é uma excelente oportunidade de ensinar (e aprender) a se “virar sozinho”. As crianças e adolescentes podem se motivar a contribuir se todos estiverem fazendo suas tarefas no mesmo horário. Listem e combinem quem faz o que, com quem, como e quando. Uma das dicas da Disciplina Positiva propõe fazer um planejamento em um quadro ou sistema de rodízio para cada tarefa que precisa ser feita. Com as telas desligadas, música e orientação, seus filhos descobrirão o prazer em preparar suas refeições e cuidar de si mesmo e de suas coisas. Afinal, isso não pode sobrar para uma pessoa apenas, não é?


5. Humor – Incluam nessa rotina tempo de lazer e agradável com atividades e hobbies que cada um escolhe. Pode ser uma prática em família (a hora dos jogos e brincadeiras) ou um momento individual. É a hora de assistir seu programa favorito, brincar, divertir-se e gargalhar.


6. Foco em soluções – Quando tiverem conflitos (quando e não se porque certamente haverão vários conflitos nessa quarentena), foquem em juntos buscarem soluções, resolver o problema e evitar que o mesmo aconteça de novo. Não foquem no passado e em quem é o culpado.


7. Escuta ativa – Pergunte, converse, convoque reuniões em família para dar espaço para que todos (inclusive, as crianças) se expressem e demonstre seu real interesse em seus pensamentos e sentimentos.


8. Valide o sentimento – Ao longo de um dia, você e seus filhos vão passar por diferentes emoções. Quem nessa quarentena não ficou triste, preocupado, ansioso, nervoso, inseguro, amedrontado, nervoso, irritado, saudoso, desesperado… Ouça e observe seus filhos e permita que eles tenham seus sentimentos. E aproveite e ensine que nem todos comportamentos são aceitáveis, lembra?


9. Autocuidado – Planeje tempo livre para as crianças não fazerem nada previamente programado: simplesmente descansarem, meditarem, curtirem o ócio. Aliás, planeje esse “detox” para si mesmo também. Estamos todos esgotados com a variedade de telas e preocupações em nossas vidas.


10. Ser um exemplo – É com você, principalmente – em alguns casos, exclusivamente – que seus filhos estão aprendendo a: lidar com seus sentimentos, expressar suas necessidades, resolver problemas, organizar-se, respeitar a si mesmo e aos outros, cooperar e muitas outras habilidades de vida. Você está sendo um bom exemplo? Pense nisso.


E aí? Vamos colocar em prática essas dicas da Disciplina Positiva? Depois me conta aqui se deram certo!



Bete P. Rodrigues

São Paulo - Brasil

© 2020 por Estúdio Takejame